PARIS (Reuters) – Um consórcio formado pelo grupo estatal francês EDF (EDF.PA) e seu parceiro chinês Jinko Power Technology foi premiado com o projeto solar Al Dhafra em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, informou a EDF nesta segunda-feira.

A EDF afirmou que a usina solar fotovoltaica de Abu Dhabi teria capacidade de 2 GW, o que a tornaria a maior usina solar de projeto único do mundo, gerando eletricidade equivalente para abastecer mais de 160.000 residências por ano.

A EDF e a Jinko Power terão uma participação de 20% no projeto, enquanto os 60% restantes serão detidos pelas empresas TAQA e Masdar de Abu Dhabi. As empresas devem começar a construção até o final de 2020, e o projeto deverá gerar mais de 4.000 empregos durante a fase de construção.

Fonte: https://uk.reuters.com/search/news?blob=photovoltaic&sortBy=date&dateRange=all