As ações da Tesla dispararam hoje (25), superando suas máximas históricas, depois que a Hertz anunciou que fez a maior encomenda de veículos elétricos de todos os tempos. A empresa adquiriu cem mil carros da Tesla em uma tentativa de reverter o negócio de aluguel de automóveis que vem passando por dificuldades.

As ações da Tesla subiram mais de 9% na segunda-feira, para US$ 998, pouco antes das 14h do horário de Brasília. Com isso, o papel ultrapassou o recorde anterior de US$ 909,68 de sexta-feira (22) e impulsionou o valor de mercado da montadora para pouco mais de US$ 1 trilhão.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A alta da cotação começou no pré-mercado, imediatamente após a Bloomberg informar que a Hertz encomendou os cem mil veículos Tesla para serem entregues antes do final do ano que vem. A empresa tem como objetivo a eletrificação da frota de aluguel de carros.

Em uma nota na manhã de hoje, o analista da Wedbush Dan Ives disse que a encomenda marca não apenas a maior encomenda da Tesla até agora, mas também a maior encomenda de veículo elétrico já feita, devido ao valor de US$ 4,2 bilhões.

Em um comunicado, a Hertz disse que os clientes poderão alugar o Tesla Model 3s a partir do início de novembro. E ressaltou também que o pedido ajudará os veículos elétricos a compor mais de 20% da frota global da empresa.

As ações da Hertz, que são negociadas no mercado de balcão e não mais listadas nas principais bolsas, ficaram praticamente estáveis ​​depois de caírem 3% na sexta-feira.

“Enquanto a Hertz está nos estágios iniciais de eletrificação da frota de carros de aluguel, a Tesla receber uma encomenda dessa magnitude destaca a adoção mais ampla de veículos elétricos que está ocorrendo como parte desta onda verde que está atingindo os EUA”, disse Ives, da Wedbush. Ele considera a Tesla uma líder absoluta em um campo crescente de fabricantes que incluem as montadoras tradicionais GM e Ford, bem como as novas empresas Lucid Motors e Faraday Future.

O impulso promovido pela Hertz ajudou a tornar a Tesla mais valiosa do que o gigante da mídia social Facebook, que vale cerca de US$ 918 bilhões na segunda-feira. Nos Estados Unidos, apenas Apple, Microsoft, Amazon e Alphabet, pai do Google, valem mais do que a Tesla.

A fortuna do CEO da Tesla, Elon Musk, cresceu espantosos US$ 18,7 bilhões na segunda-feira de manhã, enquanto as ações da empresa dispararam. A pessoa mais rica do mundo, Musk vale agora tem uma fortuna de US$ 248 bilhões, de acordo com a Forbes.

A Hertz entrou com pedido de concordata, Capítulo 11, em maio passado, quando a pandemia Covid-19 deu um grande golpe na demanda da indústria do lazer. A empresa saiu da falência em junho passado, depois de se livrar de mais de US$ 5 bilhões em dívidas, em parte devido è entrada de um novo grupo de investidores.

Em um comunicado hoje, Fields elogiou “o novo Hertz” enquanto provocava o compromisso da empresa de aumentar sua frota de veículos elétricos como parte de seus esforços de reestruturação. O pedido representa cerca de 20% dos quase 500 mil veículos que a Tesla vendeu no ano passado.

Fonte:https://forbes.com.br/forbes-money/2021/10/fortuna-de-elon-musk-vai-a-us-248-bilhoes-apos-tesla-receber-maior-encomenda-de-veiculos-eletricos-do-mundo/