A elétrica brasileira Neoenergia, controlada pelo grupo espanhol Iberdrola, contratou as unidades de banco de investimento do JPMorgan, Bank of America e Banco do Brasil para a realização de sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), disse hoje (20) uma fonte à Reuters.

Outros bancos ainda podem se juntar ao grupo que irá coordenar o IPO, acrescentou a fonte, que falou sob a condição de anonimato.

A Neoenergia afirmou em comunicado na semana passada que iria retomar estudos e trabalhos preparatórios para a realização da oferta pública de ações.

A empresa chegou a tentar promover o IPO em 2017, mas recuou após os preços ficaram aquém das expectativas.

Além da Ibedrola, a Neoenergia tem como acionistas o Banco do Brasil e o fundo de pensão Previ, com fatias de 9,34% e 38,21%, respectivamente.

A elétrica controla operações de distribuição de energia na Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, São Paulo e Mato Grosso do Sul, além de ter ativos de geração e transmissão e uma comercializadora de eletricidade.

Fonte: https://forbes.uol.com.br/last/2019/03/neoenergia-contrata-bancos-para-ipo/