Nova York quer que a eletrificação de seus automóveis seja concluída até 2045. Para isso, o estado norte-americano implementa um plano para eletrificar todos os veículos na área até a década de 2040, a começar com a futura proibição da venda de modelos de combustão, que irá acontecer em 2035. As informações são dos nossos parceiros mexicanos do Soloautos.

A governadora do estado de Nova York, Kathy Hochul, assinou recentemente um projeto de lei que estabelece a meta de tornar todos os veículos zero-quilômetro com emissões zero até 2035, data em que o Estado proibirá a venda de carros a combustão. Vale lembrar que, nos EUA, cada um dos 50 Estados tem leis e regras próprias, diferente do Brasil onde o Código de Trânsito é nacional.

Como será Nova York

 

“Nova York está implementando o plano mais agressivo do país para reduzir as emissões de gases de efeito estufa que afetam nosso clima. Para atingir nossas metas, devemos reduzir as emissões do setor de transportes, atualmente a maior fonte de poluição climática”, afirmou a governadora.

Enquanto isso, a cidade de Nova York disse que, para cumprir os objetivos, precisará que quase um quarto de seus 2 milhões de proprietários de veículos mudem para carros elétricos na próxima década. Para tornar essa troca uma realidade, a cidade prometeu instalar mais de 10 mil pontos de recarga até o final desta década.

Nova York se junta à Califórnia no estabelecimento de uma meta mais rígida do que a definida pelo governo federal dos EUA – o plano do governo é fazer com que 50% de todos os veículos novos vendidos nos Estados Unidos sejam elétricos até 2030. Apesar disso, é importante destacar que o presidente Joe Biden se recusou a eliminar os veículos de combustão até 2035.

Fonte:https://www.webmotors.com.br/wm1/noticias/nova-york-vai-proibir-carro-a-combustao-em-2035