O governo do presidente norte-americano, Joe Biden, divulgou hoje (7) um plano tributário que substituiria alívio fiscal para empresas de combustíveis fósseis por incentivos à produção de energia limpa, informou o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos.

A proposta faz parte de um plano mais amplo de tributos que inclui aumento da alíquota do imposto de renda corporativo de 21% para 28%, com objetivo de ajudar a financiar o megapacote de infraestrutura de mais de US$ 2 trilhões apresentado por Biden.

Um escritório do Departamento do Tesouro estimou que a eliminação dos subsídios para as empresas de combustíveis fósseis aumentaria as receitas fiscais do governo em mais de US$ 35 bilhões na próxima década. (Com Reuters)

Fonte: https://forbes.com.br/forbes-money/2021/04/plano-tributario-de-biden-troca-subsidios-a-combustivel-fossil-por-incentivos-a-energia-limpa/